quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

frascos


Como acontece todos os anos, alguns presentes são feitos em casa. Tornou-se um bom hábito a manter e que nos dá imenso prazer.
Este ano, lembrei-me da quantidade de frascos que guardo e não lhes dou uso. Poderia fazer doces ou compotas, mas como há quem os faça tão bem e nos presenteie com isso que não vale a pena competir. Para fazermos um pouco diferente, lembrei-me de os pintarmos.

Foi uma aventura porque uma criança não pinta no vidro como um adulto, e para podermos fazer o que tínhamos planeado lembrei-me dos carimbos. A possibilidade de criar padrões com olhos, narizes, pestanas e bocas foi bem divertida e facilitou a passagem para o vidro. Visto assim, parece que foi só pintar, mas não, foi mais trabalhoso de que imaginei inicialmente, e a saga das pinturas prolongou-se até às vésperas. Ficaram bonitos, e tenho pena de não termos feito mais para guardar pelo menos um exemplar cá para casa.





Para concluir o presente, comprámos chá a peso, enchemos os frascos e acrescentámos uma etiqueta o mais simples possível para não ofuscar o que levou dias e noites a fazer.

………

Enquanto envernizava frascos e pinhas na semana passada, a pinha #100 ficava registada no post da Madalena e as várias boutonnières no Simplesmente Branco.

3 comentários:

Filomena Crochet disse...

Vera,
que bom para a pequena B ter uma mãe como você!!!
A sua filha terá belas e ricas lembranças da infância...

beijos de MF

Rosália Agualusa disse...

Adorei a ideia dos frascos....mas tu só tens boas ideias e a tua filhota divertiu-se à brava e vai ser uma artista. Beijos Rosália

sara (moshimoshiii) disse...

ha! que ideia genial! ficou mesmo bonito.
carimbos muji, certo?